Marcelo ajuda a tirar do mar duas banhistas no Algarve

Duas raparigas a fazer canoagem começaram a afastar-se da costa por causa da corrente. Presidente ajudou-as a regressar à praia.

O Presidente da República chegou, este sábado, ao Alvor, no Algarve, para passar cinco dias de férias, mas nem por isso tem tido descanso.

Depois de uma espécie de conferência de imprensa improvisada de manhã onde falou aos jornalistas sobre a pandemia, o surto de Reguengos de Monsaraz ou o racismo e de ter respondido aos habituais pedidos de fotografia de quem passa, Marcelo Rebelo de Sousa ajudou a salvar duas jovens no mar, durante o seu primeiro banho.

As duas raparigas estavam a fazer canoagem, quando caíram ao mar. "Aquelas jovens vinham de outra praia com uma corrente muito grande, foram arrastadas para fora na direção destas praias. Viraram-se [na canoa], engoliram muita água e não foram capazes de se voltar a virar, nem de seguir, nem de nadar tal a força da corrente", conta o chefe de estado, já em terra.

Marcelo Rebelo de Sousa garante que "a corrente estava muito forte", mas que com a sua ajuda e a de "outro patriota" conseguiram trazê-las de volta à areia.

Para o futuro, fica um conselho do Presidente: "Têm de ter cuidado, porque apesar de terem coletes e mesmo para quem sabe nadar muito bem é difícil".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG