Costa entrega 36 viaturas de combate a incêndios na Pampilhosa da Serra

Veículos ligeiros vão integrar as frotas da GNR e da Força Especial de Bombeiros, que até ao fim do mês recebem mais 39 viaturas

O primeiro-ministro entrega esta sexta-feira, na Pampilhosa da Serra, um total de 36 novos veículos ligeiros de combate a incêndios.

Fontes do Ministério da Administração Interna (MAI) disseram ao DN que 20 das viaturas são para o Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS) da GNR, enquanto as restantes 16 destinam-se à Força Especial de Bombeiros (FEB) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

A cerimónia, a realizar na localidade que sábado acolhe um Conselho de Ministros extraordinário dedicado aos temas da coesão e ordenamento do território, tem lugar ao fim da tarde desta quinta-feira.

As viaturas têm capacidade para transportar 550 litros de água e uma equipa de combate com quatro operacionais (mais o condutor), adiantaram as fontes.

O GIPS vai utilizá-las em missões de patrulhamento, prevenção operacional e ataque inicial, enquanto na FEB servem para o combate aos fogos.

Note-se que o GIPS já opera com 49 dessas viaturas no âmbito do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR 2018).

Segundo uma das fontes, ficam apenas por entregar - até ao final deste mês - 39 das anunciadas 124 viaturas (ligeiras e pesadas) de combate aos fogos florestais, representando um investimento global de 7,5 milhões de euros.

Dessas 39 viaturas a entregar, a FEB vai receber quatro pesadas e o GIPS 19 ligeiras e 16 pesadas.

Este programa de viaturas novas é financiado com verbas do Fundo de Solidariedade e do Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), gerido pelo Ministério do Ambiente.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG