António Costa espera que executivo possa tomar posse no dia 22 ou 23

Primeiro-ministro explicou aos jornalistas que "tudo depende agora do apuramento dos resultados e do início de funções da Assembleia da República".

O primeiro-ministro indigitado, António Costa, afirmou esta terça-feira esperar que o XXII Governo Constitucional possa tomar posse no dia 22 ou 23 deste mês, no dia seguinte à primeira reunião da nova Assembleia da República.

"Se [a Assembleia da República] reunir a 21, o senhor Presidente da República irá marcar a tomada de posse para 22, se [a Assembleia] reunir a 22, marcará a tomada de posse para 23", afirmou.

António Costa, que falava aos jornalistas, no Palácio de Belém, em Lisboa, logo após a divulgação do seu novo elenco governamental, referiu que "tudo depende agora do apuramento dos resultados e do início de funções da Assembleia da República".

Segundo os seus cálculos, se o apuramento geral dos resultados ficar concluído nesta quarta-feira e os resultados eleitorais forem publicados em Diário da República ainda esta semana, "ou no dia 17 ou no dia 18", quinta ou sexta-feira, "o que é normal é que a Assembleia da República reúna ou a 21 ou a 22", segunda ou terça da próxima semana.

"Se reunir a 21, a tomada de posse o senhor Presidente da República irá marcar para 22, se reunir a 22, marcará a tomada de posse para 23", acrescentou.

Mais Notícias