Exclusivo Ano judicial. O que marca a diferença entre o primeiro discurso de Lucília Gago e o último de Joana Marques Vidal

Falta de meios e salvaguarda da autonomia do Ministério Público foram temas que dominaram a abertura do ano judicial

Que têm estilos diferentes ninguém duvida. A atual e a ex-procuradora-geral da República repetem alguns alertas nos seus discursos de abertura do ano judicial e coincidem em algumas prioridades - como é o caso do combate à corrupção -, mas Lucília Gago e Joana Marques Vidal vão por caminhos diferentes na forma de atingir os objetivos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG