Sónia Brazão constituída arguida

Actriz Sónia Brasão foi ouvida pela PJ e constituída arguida por suspeita de ter provocado o incêndio no prédio onde vive.

A notícia é avançada pela SIC Notícias. A actriz foi hoje ouvida na Polícia Judiciária, em Lisboa, durante cerca de uma hora, para esclarecer o que de facto se passou no dia 3 de Junho, quando se deu a explosão na sua casa.

Sónia Brazão sofreu queimaduras muito graves no corpo, incluindo nas vias respiratórias, na sequência da explosão ocorrida no quarto andar do numero 73 da Avenida da República, em Algés, concelho de Oeiras, no dia 3 de Junho. E só teve alta no dia 18 de Julho.

A explosão causou ferimentos em duas pessoas e destruiu diverso material no edifício, nos prédios vizinhos e fronteiriços e em viaturas que se encontravam na rua.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG