Simon Cowell teve proposta para avaliar prestação sexual

O popular jurado dos programas "American Idol" e "X-Factor" revelou que um homem lhe ofereceu 150 mil dólares para dar pontuação à sua performance sexual com a mulher.

Numa entrevista à CNN, na terça-feira à noite, Simon Cowell diz que o mais interessante da história é o facto de ter recusado e que se fosse hoje tudo seria diferente. Aliás, o jurado lançou um apelo público ao dito homem e avisou que se ele ainda estiver disposto a isso que o fará por menos 50 mil dólares.

A proposta indecente já data de 2002, quando Simon Cowell foi para os Estados Unidos para integrar o júri de "American Idol" e avaliar a prestação dos concorrentes. Diz ele que recusou porque, nessa altura, ainda não conhecia bem os norte-americanos.

Cowell revelou ainda que recusou fazer publicidade ao Viagra. E uma vez mais a proposta parecia tentadora: um milhão de dólares.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG