Lively já não faz parte do grupo de celebridades com blogues

Acabaram-se as dicas de moda, de cozinha e lifestyle. É difícil resistir à concorrência de Gwyneth Paltrow e Jessica Alba.

Fundado em julho de 2014, Preserve, o site criado pela atriz conhecida por ter sido protagonista da série Gossip Girl, vai encerrar. A plataforma, onde Blake Livley mostrava o seu lado de artesã e dona de casa, dando a conhecer receitas de tarte de maçã, dicas para decoração do lar e, ainda, vendia roupas e acessórios boho chic, não sobreviveu à feroz concorrência de sites de celebridades como Goop, de Gwyneth Paltrow, ou The Honest Company, de Jessica Alba, já estabelecidos no mercado e com créditos firmados.

"Obrigada a todos pelo vosso apoio em todos os momentos da aventura do Preserve. Não podia estar mais agradecida! Um dia vou deixar de usar tantos chapéus!", escreveu Lively em tom de brincadeira na sua conta oficial de Instagram. Os motivos pelos quais Lively decidiu terminar a sua incursão no mundo dos blogues e do comércio eletrónico foram explicados pela própria ao site da revista Vogue. "Temos uma equipa de pessoas incríveis que fazem um trabalho maravilhoso, mas lançámos o site antes de estar finalizado, e nunca esteve à altura da sua missão original: não faz uma diferença na vida das pessoas, seja de uma maneira superficial ou mais profunda", esclareceu a mulher do ator canadiano Ryan Reynolds, de quem tem uma filha, James, de oito meses.

Blake Lively revelou ainda que, em junho de 2014, lançou o site em grande parte por causa da pressão exercida por Anna Wintour, diretora da Vogue. "Não lhe podia ligar a dizer "preciso de mais seis meses"", explicou, lamentando ainda que, uma semana e meia antes do lançamento, Preserve tenha sido alvo de um ataque informático.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG