Duques de Cambridge querem processar 'paparazzo'

O porta-voz da Casa Real britânica anunciou que o príncipe William e Kate Middleton vão avançar judicialmente contra fotográfo que terá perseguido o príncipe George.

Uma notícia publicada pelo Evening Standard, que dava conta de um paparazzo que terá perseguido o príncipe George e a sua ama, foi a gota de água para os duques de Cambridge. Os advogados do príncipe William e da mulher, Kate Middleton, enviaram uma carta na qual ameaçam processar o fotógrafo em causa caso este continue a vigiar o filho de ambos.

"Há razões para suspeitar que o indivíduo tem acompanhado o príncipe George de forma a perceber as suas rotinas. O duque e a duquesa compreendem que o príncipe George terá um papel muito importante, mas enquanto ele é pequeno deve ter uma vida tão normal quanto possível ", revelaram.

A atitude do paparazzo obrigou mesmo o casal a retirar o príncipe George de um parque no qual estava a brincar. "Nenhum pai toleraria a suspeita de que alguém persegue o seu filho e a sua ama", podia ler-se ainda.

Os duques de Cambridge facultam à impresa algumas fotografias do filho de ambos, mas a popularidade do casal e do bebé tem feito com que algumas publicações procurem obter imagens exclusivas. Recorde-se que a Casa Real britânica anunciou há menos de um mês que Kate está grávida do segundo filho.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG