Clarkson foi para a reabilitação após saída da BBC

O ex-apresentador de Top Gear foi internado devido aos stresses com que lidava diariamente.

Perder o emprego e perder a mãe foram dois duros golpes na vida de Jeremy Clarkson. Na coluna que assina no Sunday Times, o apresentador revelou que foi internado este ano numa clínica de reabilitação. "No verão, pessoas com caras sérias e estetoscópios decidiram que eu tinha de fazer uma pausa", escreveu. "E eles não se referiam a duas semanas ao sol, com um livro ao colo, e com festas repletas de cocktails", acrescentou.

O britânico, de 55 anos, revelou que este foi um ano particularmente difícil na sua vida devido à morte da mãe, com quem mantinha uma forte ligação, e ao despedimento da BBC. "Eles [médicos] disseram de forma muito clara (...) que eu estava prestes a tornar-me num vegetal. Devia ir imediamente para uma 'prisão' onde não tivesse qualquer tipo de contacto com o mundo exterior".

No seu depoimento, Jeremy Clarkson frisou que a parte que mais lhe custou no seu internamento numa clínica de reabilitação foi o yoga, ao qual refere-se como sendo "a pior coisa do mundo".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG