Eminem vence partido da Nova Zelândia em caso de direitos de autor

O tribunal decidiu que a música utilizada pelo partido político era "suficientemente semelhante" ao "trabalho original"

O Partido Nacional da Nova Zelândia foi condenado a pagar 600 mil dólares da Nova Zelândia (352 mil euros) ao rapper dos Estados Unidos, Eminem por alegadamente ter usado a música "Lose Yourself" nas eleições partidárias de 2014.

Os advogados do partido político argumentaram que a melodia utilizada nas eleições não era a música do rapper "Lose Youself", mas sim Eminem-esque que compraram numa biblioteca de música da empresa de produção Beatbox e utilizaram no anúncio de televisão da campanha que foi transmitido mais de 100 vezes.

Segundo a BBC, o tribunal decidiu esta quarta-feira que a música era "suficientemente semelhante" ao "trabalho original" do rapper dos EUA e violava a lei de direitos de autor. Considerando que a bateria, os acordes de fundo e o tom do violino têm "semelhanças próximas".

A música "Lose Yourself" apareceu, em 2002, no filme 8 Mile e é um dos maiores sucessos do rapper. Em 2003 ganhou o Oscar para melhor canção original e, em 2004, o Grammy para melhor canção de rap.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG