Depardieu quer fazer um filme sobre a Chechénia

O ator francês Gerard Depardieu, que recentemente adquiriu cidadania russa depois de uma polémica na França, quer fazer um filme sobre a Chechénia, república que se situa no Cáucaso russo, anunciou segunda-feira a presidência chechena em comunicado.

"Quero fazer um grande filme aqui. Mostrar que podemos fazer um grande filme em Grozny", capital da Chechénia, disse o ator aos jornalistas.

A Chechénia, palco de duas guerras entre separatistas e tropas russas em 1990 e 2000, está agora oficialmente em paz, mas a rebelião islamizou-se e espalhou-se pelo Cáucaso russo, onde acontecem regularmente atentados contra as forças de segurança.

O ator francês visitou a Chechénia, no domingo, a convite do Presidente da República, Ramzan Kadyrov, e explicou aos jornalistas que se tratou de uma visita a "um amigo".

Recebido com pompa e circunstância, Gerard Depardieu teve em sua homenagem um jantar de gala, onde dançou uma dança tradicional chechena com Kadyrov, de acordo com as imagens divulgadas pela televisão russa.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG