Chris Brown detido por suspeita de agressão com arma de fogo

Operação policial em Los Angeles manteve a residência do cantor cercada durante várias horas. Ele entretanto publicava-se no Instagram. Veja os vídeos

O cantor Chris Brown foi esta terça-feira (início da madrugada de quarta em Lisboa) detido pela polícia de Los Angeles e levado para a esquadra. Segundo a polícia, o cantor, que já teve vários problemas com a justiça, foi acusado de agressão.

A detenção, noticiada pela NBC, foi o culminar de uma operação policial que durou várias horas e mobilizou dezenas de agentes que cercaram a habitação do músico enquanto decorreram negociações.

A polícia foi chamada ao local através de um telefonema para o número de emergência, no qual uma mulher afirmou que Brown estava a ameaçá-la com uma arma de fogo.

As autoridades concluíram que o músico estava em casa com várias pessoas e decidiram isolar a área e iniciar um processo de negociação para que ele se entregasse.

Enquanto a operação policial decorria, o cantor publicou vídeos na sua conta no Instagram dizendo que estava a ser falsamente acusado e a criticar a atitude dos agentes:

O caso irá agora ser investigado para determinar exatamente o que se passou.

Brown tem já um historial de violência doméstica. Em 2009 deu-se como culpado de agredir a namorada de então, a também cantora Rhianna. Foi então condenado a seis meses de trabalho comunitário, ficando em liberdade condicional por cinco anos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG