Ben Stiller, o pesadelo de quem venceu o cancro

Actor manteve o caso em segredo. Só agora decidiu revelar o que passou

Aconteceu há dois anos, mas só agora veio a público. Ben Stiller esteve no programa The Howard Stern Show, onde revelou que foi diagnosticado com um cancro da próstata quando tinha 48 anos. "Não sabia o que podia acontecer, estava assustado. A minha vida ficou paralisada porque não conseguia planear um filme sem saber o que podia acontecer", revelou o ator norte-americano, hoje com 50 anos.

O facto de agora falar abertamente sobre a luta que travou contra o cancro tem como objetivo sensibilizar outros homens para esta doença. Ben Stiller falou no teste que mede os níveis do antigénio especifico da próstata (PSA). "Aquele teste salvou a minha vida", admitiu. "É o segundo cancro mais mortal, mas também aquele que tem mais hipóteses de cura", acrescentou.

Assim que ficou a conhecer o diagnóstico, o ator norte-americano foi procurar informação sobre a doença. "A primeira coisa que fiz foi fazer uma pesquisa na Internet. Foi então que percebi que o [Robert] De Niro também já tinha tido [cancro]. Liguei imediatamente para ele".

Casado com a também atriz Christine Taylor, com quem tem dois filhos, Ella, 14 anos, e Quillin, 11, Ben Stiller revelou que a família reagiu de forma tranquila. "Disse-lhes que havia algo contra o qual tinha de lutar e eles compreenderam".

Apesar de ter conseguido superar a doença, o ator continua a fazer o teste PSA de seis em seis meses para garantir que está tudo bem.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG