Autópsia de Amy Winehouse pode ser anulada

A autópsia da cantora britânica pode vir a ser invalidada. Tudo porque a assistente do médico legista não possuia os requisitos básicos exigidos pelo Estado para ocupar o cargo, noticia a imprensa inglesa.

O médico legista Andrew Scott Reid foi auxiliado pela mulher, Suzanne Greenaway. Mas, como esta não cumpria todos os requisitos, os resultados em que ela participou podem ser considerados ilegais. Greenaway foi entretanto afastada do cargo que ocupava.

Para que a anulação da autópsia avance é preciso que seja questionado em tribunal.

Winehouse morreu em julho, com 27 anos, e o resultado da autópsia apontoi para morte acidental provocada por envenenamento por álcool.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG