Traineira afunda no porto da Figueira da Foz sem provocar vítimas

A embarcação estava atracada e não tinha ninguém a bordo, pelo que "não há nenhuma vítima a lamentar".

Uma traineira afundou este sábado no porto de pesca da Figueira da Foz, no distrito de Coimbra, informou a Polícia Marítima, referindo que a embarcação estava atracada e não tinha ninguém a bordo, pelo que não há vítimas a registar.

O alerta de que uma embarcação se estava a afundar foi recebido cerca das 08:30 de hoje, pelo comando-local da Polícia Marítima da Figueira da Foz, que se deslocou de imediato para local e "confirmado o afundamento da traineira".

Em declarações à agência Lusa, o capitão do porto e comandante-local da Polícia Marítima da Figueira da Foz, João Lourenço, disse que a embarcação estava atracada e não tinha ninguém a bordo, pelo que "não há nenhuma vítima a lamentar".

As causas que levaram ao afundamento da traineira "ainda estão por apurar", adiantou a Polícia Marítima, referindo que foram recolhidas "amostras para eventual prova processual".

Após o alerta para esta ocorrência, "a administração portuária procedeu de imediato à colocação de barreiras para conter uma eventual libertação de hidrocarbonetos por parte da embarcação".

"Durante o dia de hoje deu-se início aos trabalhos para a reflutuação da embarcação", avançou a Polícia Marítima, indicando que foi também removida uma rede que dificultava os trabalhos no local.

De acordo com esta força policial, a reflutuação da embarcação está prevista ocorrer no domingo.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG