Rebentamento de conduta de água provocou cratera em Espinho

Incidente ocorreu junto a obra de requalificação do canal ferroviário. Criou uma cratera na rua e cortou abastecimento de água. Foi definido um perímetro de segurança e trabalhos estão em curso.

O rebentamento de uma conduta de água provocou uma cratera de grandes dimensões na Rua 19, em Espinho, e chegou a originar a evacuação da área em redor por uma questão de precaução. Os moradores da zona ficaram assustados, com receio de consequências para as estruturas edificadas em redor, mas a Câmara de Espinho diz que a situação está a ser resolvida. O rotura da conduta levou a que a zona das obras do canal ferroviário de Espinho ficasse inundada.

Foi cerca das 18.30 que aconteceu o rebentamento que provocou corte no abastecimento de água. Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Aveiro, houve uma evacuação temporária das áreas comerciais envolventes, por uma "questão de precaução". Neste momento, equipas dos serviços municipais estão no terreno, como deu conta o município através da sua conta de Facebook.

"O Município de Espinho informa que estão a decorrer os trabalhos para reparação da rotura que afeta o abastecimento de água entre as ruas 19, 62 e 15 e as ruas 23, 14 e 18. O serviços municipais já estão no terreno e contam restabelecer o fornecimento de água nas próximas horas. A intervenção é delicada uma vez que a rotura ocorreu junto a infraestruturas da obra em curso do RECAFE. Os trabalhos estão a ser acompanhados pelos vereadores e técnicos municipais com a tutela dos serviços básicos, obras e proteção civil", diz a mensagem.

De acordo com o CDOS, não há informação de riscos adicionais de segurança.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG