Polícia apanhou os arguidos que fugiram do tribunal do Porto

PSP encontrou os homens na zona do grande Porto

Os três homens que estavam em fuga, após escaparem do Tribunal de Instrução Criminal do Porto na quinta-feira, foram esta tarde detidos, confirmou ao DN fonte da PSP.

Os três arguidos, a quem tinha sido decretada a prisão preventiva após serem apanhados em flagrante delito por roubos violentos a idosos, estavam os três juntos numa zona de Gondomar.

A PSP irá dar uma conferência de imprensa às 20:00 para explicar os contornos da detenção que ocorreu após populares terem alertado as autoridades para a presença dos três homens junto ao parque de campismo de Medas em Gondomar, a poucos quilómetros do Porto.

Os arguidos são dois irmãos gémeos, de 35 anos, mais um cúmplice, de 25, com antecedentes criminais, que foram presentes ao juiz de instrução depois de terem sido detidos em flagrante delito na terça-feira em Baguim do Monte, concelho de Gondomar.

São-lhes imputados pelo menos 30 assaltos violentos, que terão rendido meio milhão de euros em dinheiro e bens, em residências de idosos na zona mais oriental do Porto e em concelhos periféricos, como Gondomar, Valongo ou Maia.

Os alvos do grupo eram pessoas com idades entre os 65 e os 95 anos.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG