Escalou prédio para agredir jovem no quarto e roubar-lhe o telemóvel

Um homem de 22 anos ficou em prisão preventiva após ter sido detido pela PSP da Amadora. Escalou o prédio onde uma jovem de 19 anos vive com os pais e entrou por uma janela. Agrediu-a e roubou-lhe o telemóvel para depois publicar conteúdos pessoais nas redes sociais.

O homem de 22 anos já era suspeito de agressões à jovem de 19 anos uns dias antes e foi agora detido após ter cometido mais uma série de crimes graves num contexto de violência doméstica. Escalou o prédio onde a jovem vive com os pais, entrou no quarto dela por uma janela e, após agredi-la, roubou-lhe o telemóvel. Mais tarde colocou conteúdos pessoais nas redes sociais.

A detenção foi concretizada na segunda-feira, pela Divisão Policial da Amadora, informa o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP em comunicado. O homem foi detido, fora de flagrante delito, "por ser suspeito da prática dos crimes de violência doméstica, devassa da vida privada, violação de domicílio e roubo".

Informa a polícia que o "homem, que já era suspeito de ter agredido a vítima de 19 anos de idade, no passado dia 17 de abril, decidiu desta vez escalar o prédio onde a jovem dormia, na casa dos seus pais, conseguindo entrar no quarto da vítima por uma janela, vindo a agredi-la e roubando-lhe o telemóvel".

A PSP acrescenta que "o suspeito conseguiu fugir e, na posse do telemóvel da vítima, acedeu ao seu conteúdo, publicando conteúdos pessoais nas redes sociais".

A investigação levada a cabo pela PSP permitiu identificar e deter o suspeito, tendo sido "possível apreender o telemóvel e retirar os conteúdos".

O detido já foi presente a um juiz, no Tribunal Judicial da Comarca da Amadora, e a decisão foi a mais gravosa, tendo o homem ficado em prisão preventiva.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG