Creches e escola secundária de Reguengos de Monsaraz fechadas a partir de 2ª feira

Autarquia está ainda a fazer avaliação a espaços comerciais, restauração e bares para saber se estes vão abrir ou fechar. Surto em lar com 45 idosos infetados e 17 funcionários.

O presidente da câmara de Reguengos de Monsaraz, José Calixto, anunciou que as creches e a escola secundária estarão fechadas a partir desta segunda-feira. Tudo por causa do surto num lar de idosos que afeta 45 utentes e 17 funcionários.

"A partir de amanhã irá fechar a escola secundária, os jardins-de-infância, as creches e as atividades de apoio à família. Isso está decidido que irá fechar", disse Calixto aos jornalistas no local.

"Os atendimentos presenciais nas autarquias, junta de freguesia e câmara municipal, ainda estamos a avaliar, mas em princípio também irão fechar", acrescentou, indicando que ainda está a ser feita a avaliação a espaços comerciais, restauração e bares, estando a decisão dependente da informação sobre os testes comunitários que estão a ser feitos.

O surto foi detetado num lar de idosos, tendo quatro dos utentes que testaram positivo sido transportados no sábado para o hospital de Évora, por precaução. Um deles já teve contudo alta. No hospital mantém-se internada a idosa que foi o primeiro caso positivo de covid-19 neste lar.

O autarca disse à Lusa que médicos e enfermeiros do centro de saúde da cidade alentejana observaram os 45 idosos do lar da Fundação Maria Inácia Vogado Perdigão Silva que testaram positivo para a covid-19 e referenciaram 11 deles.

Dos idosos referenciados, disse, "apenas quatro" seguiram para o HESE, após decisão tomada "em conferência" com o serviço de urgência da unidade hospitalar e com o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).

Um dos quatro utentes transportados para o hospital já regressou ao lar e os outros três aguardavam esta manhã decisão do serviço de urgência sobre a necessidade de internamento, referiu o presidente do município.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG