Recruta forçada para João Reis

A ficção portuguesa das novas gerações de autores tem surpreendido pela ausência de temáticas que seduzam o leitor. Por norma, colocando a narrativa num ambiente nem sempre traduzível e com personagens que podem ser pertença de todo e nenhum lado. João Reis tem tentado alterar esse eclipse físico e fixa as suas personagens em terra firme, mesmo que procure cenários e pessoas diferentes que não o nacional. Foi o que fez em A Avó e a Neve Russa, lançado há pouco mais de um ano.

Desta vez, com A Devastação do Silêncio, a realidade é bem portuguesa, mesmo que o capitão do Corpo Expedicionário Português esteja rodeado de militares de outras nacionalidades e o cenário seja um campo de prisioneiros alemão. A narrativa desta recruta literária forçada do autor começa com um encontro entre duas pessoas e uma delas quer ouvir certa história já contada várias vezes pelo outro. A conversa repetida incomoda quem a vai contar, mas isso não impede o leitor de se interessar pela invenção literária de João Reis. Principalmente, porque a investigação que este livro deve ter exigido conjuga-se com a criatividade e relatos do campo de prisioneiros bastante verosímeis.

A ideia de introduzir no romance várias ilustrações intercaladas com o texto é interessante, mesmo que corte a imaginação ao leitor que gosta de construir a figura à sua medida. Essa situação consegue ser ultrapassada pela espessura dada às personagens pelo autor e pela quantidade de situações inesperadas. Até porque a Grande Guerra tem sido objeto de vários livros - ficção ou investigação - e pouco falta para deslindar a não serem os sentimentos. É aí que Reis consegue vencer, como no caso das descrições sobre a sensação da fome, dos bichos que infestam as camaratas e os corpos, nas relações e nas exigências de sobrevivência. Sendo um romance sobre a guerra, ela não surge como tema primordial e único, mas como os estilhaços de uma granada espalhados entre personagens.

A Devastação do Silêncio
João Reis
Editora Elsinore
142 páginas
PVP: 16,60 euros

Mais Notícias

Outras Notícias GMG