Tiroteio em centro comercial nos EUA faz oito feridos. Suspeito está em fuga

Tiroteio ocorreu num centro comercial de Milwaukee, no estado norte-americano de Wisconsin.

Pelo menos oito pessoas ficaram feridas num tiroteio que ocorreu esta sexta-feira num centro comercial no estado de Wisconsin, nos EUA. Os feridos, entre os quais um adolescente, foram transportados para o hospital, confirmou a polícia de Wauwatosa.

O FBI e o gabinete do xerife do condado de Milwaukee informaram, através do Twitter, que os elementos das suas equipas estavam no centro comercial Mayfair, em Wauwatosa, a apoiar a resposta "ativa" da polícia local.

O alerta foi dado às 14:50 (hora local) e quando as equipas de emergência chegaram ao centro comercial, mais concretamente junto a uma entrada da loja Macy's, o suspeito já não estava no local.

O comunicado da polícia de Wauwatosa indica ainda que testemunhas referem que o atirador "é um homem branco com 20 a 30 anos". As autoridades estão a investigar a identidade do suspeito.

A polícia pede "paciência" à população que deve evitar a área.

"A polícia está investigar ativamente um incidente no centro comercial Mayfair", lê-se na mensagem que a polícia de Wauwatosa publicou, inicialmente, nas redes sociais. Esta força policial informa ainda que o centro comercial está encerrado e pede que sejam usadas vias alternativas por quem tem de passar pela zona.

O autarca de Wauwatosa, Dennis McBride, confirmou que há vários feridos, mas que nenhum corre risco de vida. Adiantou que o atirador está em fuga.

O Milwaukee Journal Sentinel refere que algumas pessoas permaneceram dentro do centro comercial e que há, pelo menos, oito feridos, de acordo com a informação prestada por um agente no local.

A porta-voz do Hospital Froedtert, citada pelo jornal, refere que a unidade hospitalar foi notificada de um tiroteio que ocorreu pouco depois das 15:00 (hora local) no espaço comercial Mayfair.

Testemunhas no local indicam que foram ouvidos múltiplos disparos por volta das 15:00, o que fez com que as pessoas que estavam no interior do centro comercial fugissem para as saídas ou para locais onde pudessem estar a salvo.

A operação policial em curso envolve cerca 100 agentes apoiados por 40 veículos, refere o Milwaukee Journal Sentinel.

Testemunhas disseram à WISN-TV que tinham ouvido o que acreditam terem sido oito a 12 tiros.

O canal televisivo relatou que pelo menos cinco pessoas foram levadas do centro comercial em macas, das quais pelo menos duas pareciam estar conscientes.

Centro comercial já tinha sido palco de um tiroteio em fevereiro

A empresa proprietária do centro comercial, Brookfield Properties, disse, numa declaração, que estava "desanimada e zangada" por os clientes e lojistas terem sido sujeitos a este incidente violento, recusando fazer mais comentários.

No Mayfair registou-se um tiroteio em fevereiro, no qual um polícia da cidade, Joseph Mensah, disparou e matou Alvin Cole, um negro de 17 anos. A polícia argumentou que Cole estava a fugir da polícia. Mensah, que também é negro, justificou ter matado Cole por este lhe ter apontado uma arma.

Durante vários meses o centro comercial foi alvo de protestos esporádicos, na sequência do tiroteio.

Em atualização

Mais Notícias

Outras Notícias GMG