"Tudo será diferente" após pandemia, diz Papa Francisco

Papa Francisco divulgou este sábado uma mensagem na qual abre um debate sobre o que deve ficar na humanidade após a pandemia.

"Quando sairmos desta pandemia, não poderemos continuar a fazer o que estávamos a fazer, e como estávamos a fazer. Não. Tudo será diferente". As palavras foram proferidas pelo Papa Francisco, este sábado, numa mensagem de vídeo divulgada esta noite, por ocasião da festa de Pentecostes.

Lembrou uma crise da qual a humanidade poderá sair "melhor ou pior", apelando a uma "sociedade mais justa e equitativa". "Das grandes provações da humanidade, entre estas a da pandemia, nós sairemos melhores ou piores. Não é a mesma coisa. Pergunto-vos: como querem sair disto? Melhor ou pior?" questionou o Papa Francisco.

A nível global, a pandemia causada pelo novo coronavírus já infetou mais de seis milhões de pessoas em todo o mundo, dois terços das quais na Europa e Estados Unidos, segundo um balanço da AFP.

Em Portugal, nas últimas 24 horas, morreram mais 13 pessoas e foram confirmados mais 257 casos de covid-19 (mais 0,8% do que no dia anterior). Segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), deste sábado (30 de maio), no total, desde que a pandemia começou registaram-se 32 203 infetados, 19 186 recuperados (mais 275) e 1396 vítimas mortais no país.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG