Tubarão que assustou os banhistas em Maiorca foi morto

O aparecimento do tubarão, numa praia de Maiorca, lançou o pânico. O animal foi abatido

O tubarão apareceu nas águas da praia de Can Pastilla, em Maiorca. "Foi a quinta vez que o animal tentou matar na costa maiorquina", referiu a equipa de resgate do Palma Aquarium.

Vários locais da Baía de Palma tinham sido já 'visitados'. A equipa de resgate do aquário maiorquino suspeitou que algo de errado se passava com o animal.

Hoje, cerca das 16.00 horas portuguesas, confirmou-se que tinha um anzol na boca, fonte de danos irreversíveis para o peixe, adiantou a mesma fonte, justificando a morte do animal.

A operação durou 48 horas, desde o minuto em que foi recebido o primeiro alerta e o comunicado do aquário chamava a atenção para o facto de os tubarões, animais pré-históricos ainda desconhecidos em muitos aspetos, são tidos por perigosos, mas são fundamentais para a manutenção do equilíbrio do oceano.

Cerca das 15.00 locais, os banhistas perceberam que o tubarão estava próximo. Na sequência do alerta, os nadadores-salvadores proibiram as pessoas de entrar na água, alertando para a presença do animal, que já dava mostras de desorientação. Os especialistas estavam já a par da sua presença mais perto da costa do que é habitual.

Residentes e veraneantes tiraram fotografias e fizeram vídeos do momento:

Mais Notícias

Outras Notícias GMG