Trump diz que está "1.000%" ao lado da CIA

O Presidente norte-americano disse hoje numa visita à Agência Central de Informações (CIA) que esta tem o seu total apoio, após ter publicamente rejeitado a conclusão da instituição de que a Rússia o ajudou a vencer as eleições.

"Estou 1.000% convosco (...), Adoro-vos, respeito-vos", disse Donald Trump, tentando emendar a mão num breve discurso proferido perante o pessoal da célebre agência de serviços secretos, depois de visitar a sua sede, em Langley, no estado da Virginia.

No mesmo discurso, feito um dia após a tomada de posse como 45.º Presidente dos Estados Unidos, Trump lançou ataques violentos contra os jornalistas "desonestos".

Mais Notícias

Outras Notícias GMG