Três navios afundados na Segunda Guerra desaparecem misteriosamente

Navios de guerra holandeses estavam no fundo do Mar de Java, Indonésia, desde 1942. Dois desapareceram por completo, do terceiro faltam partes

O governo holandês já foi informado e abriu uma investigação: dois navios de guerra da Holanda, que se afundaram em 1942 no Mar de Java, desapareceram completamente, estando igualmente desaparecidas grandes partes significativas de uma terceira embarcação.

A informação foi confirmada pelo ministro dos Negócios Estrangeiros holandês em comunicado: "Os destroços do HNLMS De Ruyter e do HNLMS Java estão aparentemente desaparecidos. Um grande pedaço do HNLMS Kortenaer também não foi encontrado".

Segundo o The Guardian , os navios foram encontrados intactos por mergulhadores amadores em 2002, mas uma nova expedição, organizada este ano para marcar o 75.º aniversário da Batalha do Mar de Java, deu pela falta das embarcações naufragadas. Através de sonar, foi possível detetar as marcas da permanência dos barcos ao longo das décadas, mas dos navios, nem sinal. Os três naufragaram no Mar de Java durante a batalha que holandeses, britânicos, americanos e australianos perderam para as forças japonesas em fevereiro de 1942. Foi um dos confrontos mais letais travado sobre as águas e permitiu que os japoneses passassem a controlar as Índias Orientais Holandesas, no território que é hoje a Indonésia.

Cerca de 2200 pessoas morreram na batalha, entre holandeses e indonésios de origem holandesa. Os destroços dos três navios foram declarados cemitério de guerra e, devido à gravidade da profanação agora ocorrida, as autoridades holandesas vão apurar o que terá acontecido, admitindo que as embarcações possam ter sido danificadas de forma ilegal. Durante anos, caçadores de tesouros têm procurado localizar os navios naufragados na área para roubar partes, incluindo aço, cobre e alumínio.

Segundo relatos publicados na imprensa malaia, os destroços dos navios holandeses foram por várias vezes danificados de forma intencional com explosivos, por pessoas que se faziam passar por pescadores e queriam apenas roubar os metais. Não é caso único: conforme assinala o Guardian, a marinha norte-americana descobriu há cerca de dois anos que o USS Houston, afundado na Batalha do Estreito de Sunda, também no Mar de Java, com cerca de 650 militares a bordo, foi mexido e profanado.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG