Susana Díaz candidata-se a secretária-geral do PSOE

A presidente da Junta da Andaluzia, em Espanha, Susana Díaz, vai anunciar no dia 26 a sua candidatura às eleições primárias para concorrer ao cargo de secretária-geral do PSOE, confirmaram hoje fontes socialistas à agencia EFE.

Com este anúncio, Susana Díaz será a terceira candidata à liderança do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), depois do ex-dirigente do partido Pedro Sánchez e do ex-presidente do Congresso dos Deputados Patxi López, que hoje mesmo apresentará o documento da sua candidatura num evento em Getafe, Madrid.

A apresentação da candidatura de Díaz decorrerá também em Madrid, acrescenta a EFE.

Pedro Sanchez demitiu-se de secretário-geral do PSOE em 01 de outubro, depois de uma maioria de dirigentes nacionais do partido terem chumbado a sua estratégia de recusar determinantemente um governo do PP.

Os socialistas acabaram por viabilizar, através da sua abstenção no parlamento, o atual governo minoritário de direita do PP (Partido Popular), liderado por Mariano Rajoy.

O PSOE elegeu na ocasião uma liderança provisória que está a organizar o 39.º Congresso do partido a 17 e 18 de junho próximos, com a realização de eleições primárias para eleger um novo secretário-geral do partido em maio.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG