Silvio Berlusconi testa positivo para a covid-19

Ex-primeiro-ministro italiano faz 84 anos no final do mês.

O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi foi diagnosticado com o novo coronavírus, após testar duas vezes positivo, revela a imprensa italiana, citando fontes do partido Forza Italia.

Berlusconi, que faz 84 anos no final do mês, "continua a trabalhar a partir da sua residência em Arcore", nos arredores de Milão, "onde passará o período previsto de isolamento", afirma o Forza Italia, o seu partido. É ali que o homem que liderou Itália por três vezes - entre 1994 e 1995, de 2001 a 2006 e entre 2008 e 2011 - vai cumprir o período de isolamento.

Segundo o Corriere della Sera, o ex-primeiro-ministro e atual eurodeputado está assintomático e tinha regressado recentemente da Sardenha.

O Forza Italia garante que, apesar do isolamento, Berlusconi vai continuar a apoiar os candidatos do partido às eleições regionais com "entrevistas diárias nos jornais, televisões e redes sociais".

Berlusconi fez o primeiro teste a 25 de agosto, mas voltou a ser testado depois de algumas pessoas com quem esteve na Sardenha terem dado positivo. Uma delas foi o empresário e ex-patrão da Fórmula Um, Flavio Briatore.

O clube de Briatore na Sardenha, Le Billionaire, foi encerrado ainda em agosto depois de alguns funcionários terem testado positivo.

As mensagens a desejar as melhoras a Berlusconi depressa surgiram de todos os quadrantes políticos, de Matteo Salvini, o líder d'A Liga, de extrema-direita, a Matteo Renzi, o ex-primeiro-ministro do Partido Democrático, de centro-esquerda.

Mais Notícias