Rússia acaba de pagar dívida externa da União Soviética

Bósnia-Herzegovina era o último país com o qual Moscovo ainda não tinha saldado a dívida soviética

A Rússia formalizou hoje o último pagamento relativo à dívida externa contraída pela União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS), informou hoje o vice-ministro das Finanças russo, Serguei Storchak.

"Hoje deu-se a assinatura do acordo intergovernamental entre a Rússia e a Bósnia-Herzegovina para saldar as dívidas contraídas pela antiga URSS", disse o vice-ministro das Finanças à imprensa local.

Storchak salientou que a Bósnia-Herzegovina, país que nasceu após a desintegração da antiga Jugoslávia, era o último país com o qual Moscovo ainda não tinha saldado a dívida soviética.

Este último pagamento, ligado ao défice comercial entre a URSS e a Jugoslávia, ascende a 125,1 milhões de dólares e será concluído num prazo de 45 dias.

A Rússia já havia pagado, nos últimos cinco anos, a dívida contraída pelas autoridades soviéticas junto da Croácia, da Sérvia, da Eslovénia, da Macedónia e do Montenegro.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG