Principal partido da oposição turca pede anulação do referendo

Conselho eleitoral decidiu aceitar como válidos boletins de voto sem carimbo oficial, principal causa de contestação da oposição

O principal partido da oposição da Turquia, Partido Republicano do Povo (CHP, social-democrata), pediu hoje ao conselho eleitoral para cancelar os resultados do referendo de domingo devido a irregularidades no escrutínio.

Bulent Tezcan, vice-presidente do CHP, defendeu haver "apenas uma maneira de acabar com as discussões sobre a legitimidade do voto e deixar as pessoas à vontade, que é o Supremo Conselho Eleitoral cancelar a votação".

A decisão sem precedentes daquele conselho de aceitar como válidos boletins sem o carimbo oficial originou indignação entre os partidos da oposição.

Tezcan disse que não é possível as autoridades determinarem quantos boletins de voto deram entrada de forma irregular.

O "sim" venceu o referendo destinado a reforçar os poderes presidenciais na Turquia com 51,37% após a contagem dos boletins de 99,45% das urnas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG