Polícia de choque mobilizada para impor uso de máscara em Marselha

O Governo francês enviou 130 polícias de choque para a região de Marselha para impor a obrigação de usar máscara contra a covid-19 e tentar impedir o aumento de pessoas infetadas, anunciou o porta-voz do Governo.

A decisão foi tomada depois de se terem registado vários incidentes de violência com pessoas que se recusaram a usar máscara, numa altura em que várias cidades do país, incluindo Paris, decidiram aumentar as regras de proteção ao ar livre contra o coronavírus que provoca a doença covid-19.

As infeções têm crescido em França nos últimos dias, com 3.015 novos casos no domingo, um dos maiores valores diários desde que o país suspendeu, em maio, o confinamento de dois meses.

No total, a covid-19 já provocou a morte de mais de 30.400 pessoas em França, um dos maiores índices de mortalidade no mundo.

Desde dia 10 de agosto, o uso de máscara na rua tornou-se obrigatório em alguma zonas de Paris como o cais do Sena, o bairro turístico de Montmartre e ruas comerciais como a 'rue Mouffetard', atrás do Panteão, no Quartier Latin de Paris.

As cidades francesas de Nice e Lille também adotaram medidas semelhantes.

No mundo, a pandemia causou pelo menos 770.429 mortos e infetou mais de 21,7 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Portugal contabiliza 1.779 mortos em 54.234 casos de infeção.

Mais Notícias