Pelo menos oito feridos com tiro de caçadeira à porta de um bar no Texas

O incidente ocorreu perto do aeroporto de San Antonio depois de um homem, que disse ser lutador de UFC, não ter sido autorizado a entrar no estabelecimento.

Pelo menos oito pessoas ficaram feridas após serem atingidas a tiro de caçadeira por um homem à porta de um bar no Texas, Estados Unidos, informou este sábado a polícia local de San Antonio.

As autoridades continuam à procura do suspeito, que se colocou em fuga após o incidente, aparentemente motivado por ter sido impedido de entrar no estabelecimento, juntamente com um pequeno grupo, por estarem "inebriados".

Apesar de continuar a monte, o chefe da polícia de San Antonio, William McManus, disse não acreditar que o homem represente um perigo para a zona.

McManus explicou que um dos elementos do grupo perguntou ao segurança que lhes impediu a entrada se não sabia quem ele era e disse ser "um lutador de UFC da Califórnia", dirigindo-se depois ao carro, de onde tirou uma espingarda de canos longos, e voltando ao parque de estacionamento do bar onde abriu fogo sobre as pessoas.

As vítimas são cinco mulheres e três homens, de idades entre os 23 e os 41 anos, e encontram-se estáveis em hospitais locais para onde se deslocaram pelos seus próprios meios.

Duas outras pessoas foram atingidas de raspão, mas recusaram receber tratamento.

O incidente ocorreu no Rebar, um grande estabelecimento de diversão noturna a pouco mais de três quilómetros do aeroporto internacional de San Antonio, conhecido por oferecer concertos de música ao vivo e atuações de DJs.

Mais Notícias