Pedro Sánchez diz "obrigado" em português... a achar que estava a falar galego

O líder socialista espanhol está a ser criticado nas redes sociais por não saber que em galego não se usa o termo "obrigado" para agradecer algo.

Uma palavra em português usada no debate para a investidura no parlamento espanhol gerou um rebuliço nas redes sociais: obrigado. O líder socialista Pedro Sánchez agradeceu o apoio do representante do BNG (Bloco Nacionalista da Galiza), Néstor Rego, com um "obrigado", julgando tratar-se da expressão correta para agradecer em galego.

As críticas nas redes sociais não se fizeram esperar. Afinal, "obrigado" é uma palavra portuguesa. A verdade é que a palavra "obrigado" não é reconhecida oficialmente no Dicionário da Real Academia Galega, em galego dir-se-ia "grazas". Em galego, "obrigado" é usada apenas na conjugação do verbo obrigar, referindo-se a alguém que é forçado a algo.

O próprio deputado do BNG, Néstor Rego, tinha terminado o seu discurso com um "obrigado", podendo isso significar que ele pertence ao movimento reintegracionista, que é a favor da união cultural, linguístico e social da Galiza e de Portugal. Mas, de qualquer forma, as críticas nas redes sociais, sobretudo no Twitter, centraram-se em Pedro Sánchez.

A sessão de investidura do líder socialista espanhol, Pedro Sánchez, começou este sábado e só deverá terminar na terça-feira. Depois de Sánchez apresentar o seu programa, seguiu-se um debate com a intervenção de todos os dez partidos parlamentares. Espera-se que na primeira votação, a decorrer neste domingo, o candidato a primeiro-ministro não recolha uma maioria absoluta de votos. No entanto, na terça-feira, e de acordo com o estabelecido na lei, basta haver mais votos favoráveis do que desfavoráveis. Sánchez espera obter 167 votos favoráveis contra 164 desfavoráveis e 19 abstenções.

Mais Notícias