Nickelodeon vai abrir parque temático debaixo do mar na ilha filipina Palawan

Ambientalistas afirmam que projeto poderá destruir o ecossistema marinho

O grupo de televisão norte-americano Nickelodeon anunciou que vai construir um parque temático e uma estância subaquática numa ilha das Filipinas conhecida como a última fronteira ecológica, alarmando os ambientalistas, noticia hoje a agência de notícias AFP.

A empresa produtora de conhecidos programas de televisão para crianças disse que o parque na ilha Palawan será parte de um projeto com 400 hectares que vai mostrar a vida marinha da área e dar oportunidade aos visitantes de "interagirem com a marca e com as personagens icónicas que adoram".

A ilha de Palawan foi escolhida porque "tem algumas das mais bonitas praias do mundo", disse o vice-presidente executivo da Viacom International Media Networks, Ron Johnson, à AFP.

A ideia inicial da Viacom era abrir uma estância em 2020 com restaurantes e áreas de lazer seis metros abaixo do nível do mar, "defendendo a proteção dos oceanos", mas o grupo ambientalista Greenpeace respondeu que o projeto iria destruir o mundialmente famoso ecossistema marinho.

"É alarmante e triste porque um parque temático tão grande não vai promover a proteção ambiental, ao construir estruturas tão grandes", disse Vince Cinches, da Greenpeace asiática.

Em resposta a este anúncio, foi criada esta terça-feira uma petição online contra a construção deste parque. A petição pede que o governo local da ilha de Palawan rejeite a proposta do Nickelodeon e já tem quase 4350 assinaturas.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG