Polícia detém mais um suspeito de estar relacionado com ataque

No total, as autoridades já detiveram dez pessoas, mas duas foram libertadas

A polícia de Manchester confirmou hoje a detenção de mais um homem naquela cidade por suspeita de ligação ao atentado de segunda-feira, ao mesmo tempo que continuam as buscas em várias direções como parte da investigação.

Num comunicado no Twitter, a polícia disse que durante a madrugada de hoje deteve um homem no bairro periférico de Moss Side.

A fonte confirmou que atualmente há oito homens sob custódia, que estão a ser interrogados, depois de um homem e uma mulher terem sido libertados sem acusação.

As autoridades revelaram ainda as idades dos detidos. O mais novo tem 18 anos; o mais velho 38.

A investigação está a ser desenvolvida depois de o bombista suicida Salman Abedi, de 22 anos, e nascido no Reino Unido e de origem líbia, ter detonado um explosivo artesanal no exterior do Manchester Arena, onde decorreu um concerto da cantora pop norte-americana Ariana Grande, causando 22 mortos e 64 feridos, muitos deles adolescentes.

Segundo a polícia, nas últimas horas foram realizadas rugas em direções específicas de Manchester, assim como numa propriedade de St. Helens, na área de Merseyside, no norte de Inglaterra.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG