Joe Biden vai ser testado ainda esta sexta-feira

O presidente dos EUA, Donald Trump, e a primeira-dama, Melania, estão infetados pelo novo coronavírus e em quarentena na Casa Branca. O vice-presidente Mike Pence e o secretário de Estado Mike Pompeo fizeram o teste de despiste à covid-19 esta sexta-feira e o resultado foi negativo em ambos os casos.

O candidato democrata à Casa Branca, Joe Biden, vai ser testado à covid-19 ainda esta sexta-feira, avança a CNN, que cita fonte familiar do antigo vice-presidente dos EUA.

Na terça-feira, Biden esteve no primeiro de três debates presidenciais com Donald Trump, que, esta sexta-feira, anunciou que ele e a mulher, a primeira-dama, Melania, testaram positivo para a infeção pelo novo coronavírus.

Depois de se saber que o presidente dos EUA está infetado, o secretário de Estado Mike Pompeo afirmou que o teste de despiste à covid-19 que fez deu negativo. "Sinto-me ótimo", afirmou aos jornalistas que o acompanhavam, pouco antes de chegar a Dubrovnik, na Croácia.

Pompeo, citado pela AFP, revelou que fez o teste quatro vezes nas últimas duas semanas, a última das quais foi esta sexta-feira de manhã, no avião que o levou à cidade de Dubrovnik. Disse ainda que não tem estado com o presidente Trump desde 15 de setembro, quando foram assinados, na Casa Branca, acordos para restabelecer as relações entre Israel, Emirados Árabes Unidos e Bahrein.

Também o vice-presidente Mike Pence e a mulher, Karen, testaram negativo para o novo coronavírus esta sexta-feira de manhã, segundo um comunicado divulgado na rede social pelo seu porta-voz Devin O'Malley.

O Presidente dos Estados Unidos anunciou esta sexta-feira que o seu teste à covid-19 foi positivo, assim como o da mulher, Melania Trump

"Melania e eu testamos positivo para a covid-19", escreveu Donald Trump, na rede social Twitter.

"Vamos iniciar imediatamente a quarentena e o nosso processo de recuperação. Iremos passar por isto juntos", acrescentou.

Quarentena na Casa Branca

O médico do Presidente norte-americano, Sean Conley, já confirmou que os dois estão infetados e que "planeiam permanecer em casa dentro da Casa Branca" durante a convalescença.

"Esta noite recebi a confirmação de que o Presidente Trump como a primeira-dama Melania Trump deram positivo para o vírus SARS-CoV-2", indicou Conley, numa declaração.

"A equipa médica da Casa Branca e eu vamos manter uma vigilância, e agradeço o apoio prestado por alguns dos maiores profissionais e instituições médicas do nosso país. Fiquem descansados, espero que o Presidente continue a desempenhar as suas funções sem interrupções durante a recuperação, e manter-vos-ei informados sobre quaisquer desenvolvimentos futuros", salientou.

Horas antes, Trump tinha anunciado ter feito um teste à covid-19, mas ainda não conhecia o resultado, depois de uma colaboradora próxima ter confirmado estar infetada.

"Ela deu positivo", disse Donald Trump à estação de televisão Fox News, confirmando as notícias da imprensa sobre Hope Hicks, conselheira presidencial.

Hope Hicks, conselheira presidencial, estava a bordo do Air Force One com o Presidente dos Estados Unidos, num voo para Cleveland (centro-leste), na terça-feira, para participar no debate eleitoral com o candidato democrata à Casa Branca Joe Biden.

A conselheira também viajou com Trump na quarta-feira, para o estado de Minnesota (centro-oeste), onde decorreu uma reunião de campanha.

Mais Notícias