Incêndio destrói campo de refugiados em França

Os 1500 imigrantes tiveram que ser realojados em dois ginásios nas proximidades.

Um incêndio de grandes proporções destruiu o campo de refugiados de Grande-Synthe no norte de França. Pelo menos dez pessoas ficaram feridas pelas chamas ou intoxicadas pelo fumo.

"Não sobrou nada a não ser um monte de cinzas", declarou Michel Lalande, prefeito da região do Norte, explicando que o fogo começado na segunda feira à tarde, durante uma rixa entre 150 afegãos e curdos, envolvendo armas brancas. As forças de segurança envolveram-se nos confrontos que terão provocado seis feridos.

"Será impossível reerguer as cabanas onde elas estavam", disse o responsável, citado pela BBC. O campo, que tinha sido criado no ano passado pela organização Médicos Sem Fronteiras, abrigava 1500 imigrantes em várias casas pré-fabricadas. Os refugiados foram enviados para instalações temporárias em dois ginásios da região.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG