Hillary Clinton é dos políticos mais honestos. Trump dos mais mentirosos

Estudo fez as contas às mentiras dos políticos americanos. Obama, Sanders e Clintons partilham base da "pirâmide da mentira"

No palco de controvérsias e mentiras em que se tem transformado a corrida à Casa Branca, um estudo indica que o candidato republicano tem maior inclinação para a mentira que a sua homóloga democrata.

Das 206 declarações de Donald Trump verificadas pelos jornalistas do PoliticFact, 144 foram consideradas "maioritariamente, falsas", "falsas" ou "pants on fire" ("a mentir com os dentes todos", diríamos em português, um estatuto reservado para as afirmações simultaneamente falsas e ridículas).

Na lista divulgada pelo The New York Times, o candidato republicano à Casa Branca partilha com Ben Carson (neurocirurgião que participou na corrida à nomeação republicana para as eleições presidenciais de 2016) o topo da "pirâmide da mentira" da política norte-americana.

Na base, Bill Cliton - antigo líder norte-americano - Barack Obama - atual presidente dos Estados Unidos - Bernie Sanders - pré-candidato democrata à Casa Branca - e Hillary Clinton - candidata democrata à presidência - aparecem como os "mais honestos".

Das 235 afirmações de Hillary verificadas, 65 são classificadas nas três categorias já referidas. Sanders consegue 30 mentiras em 106 declarações confirmadas. Ambos pontuam 28 por cento na tabela.

Vale no entanto a pena lembrar que este é um estudo não científico.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG