Família real britânica celebra primeiro casamento gay

Cerimónia do enlace entre Lord Ivar Mountbatten, primo da rainha, e James Coyle realizou-se no último sábado

No último sábado realizou-se o primeiro casamento homossexual de um membro da família real britânica.

Lord Ivar Mountbatten, primo da rainha Isabel II, casou-se com James Coyle, e foi conduzido ao altar pela sua ex-mulher, Penelope Thompson, de quem se separou em 2016, após um relacionamento que durou 16 anos e do qual nasceram três filhas.

A cerimónia realizou-se na capela da sua propriedade, em Devon, no sul do Reino Unido, e contou com a presença de 60 convidados, entre os quais as três filhas e um grupo de amigos e familiares próximos. Estava prevista a presença de Eduardo de Wessex, filho de Isabel II, mas tal acabou por não se verificar, segundo a justificação oficial por incompatibilidade de agendas. Porém, o conde de Wessex tem apoiado Lord Ivar desde que assumiu a sua homossexualidade 2016.

"A Penny estava ciente antes de nos casarmos... Que a minha atração sempre foi para os dois sexos. Ela era compreensiva, e estarei sempre grato a ela", disse Lord Ivar, aquando da separação com Penelope Thompson.

James Coyle não deve receber para já o título de Lord, apesar da oficialização do seu casamento com Lord Ivar. Esse processo ainda não é possível, embora exista no Reino Unido, desde 2013, o projeto de Lei de Igualdade, que permite a qualquer parceiro civil receber a titularidade do seu cônjuge.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG