Espanha supera um milhão de infetados com a doença

Em todo o país há 13.698 pessoas hospitalizadas com a doença, das quais 1.930 pacientes em unidades de cuidados intensivos

Espanha ultrapassou esta quarta-feira um milhão de casos positivos de covid-19 desde o início da pandemia, com um total de 1.005.295, depois de registar 16.973 contágios nas últimas 24 horas, segundo os números divulgados pelo Ministério da Saúde.

As autoridades sanitárias também contabilizaram mais 156 mortes atribuídas à covid-19, passando o total de óbitos para 34.366.

A região de Madrid, a mais atingida desde o início da pandemia, tem esta quarta-feira mais 3.397 casos de contágio e um total de 286.527.

Deram entrada nos hospitais com a doença nas últimas 24 horas 1.860 pessoas, das quais 349 em Madrid, 370 na Catalunha e 291 na Andaluzia.

Em todo o país há 13.698 pessoas hospitalizadas com a doença, das quais 1.930 pacientes em unidades de cuidados intensivos.

Espanha é o primeiro país da União Europeia e o sexto no mundo a ultrapassar um milhão de casos de contágio pelo SARS-Cov-2 e um dos países europeus mais atingidos pela pandemia também analisando outros critérios.

O nível de incidência acumulada em Espanha é de 332 casos diagnosticados por 100.000 habitantes nos últimos 14 dias, sendo as regiões com os níveis mais elevados a de Navarra (1.021), Aragão (542), Castela e Leão (517), Madrid (432) e Catalunha (401).

O Governo da comunidade autónoma de Aragão (nordeste) decretou esta quarta-feira o confinamento dos concelhos de Saragoça (capital, 700.000 habitantes), Huesca (55.000) e Teruel (36.000) a partir da meia-noite, devido ao elevado nível de infeções de covid-19 nos últimos dias.

O Ministério da Saúde espanhol vai reunir-se na quinta-feira com os responsáveis pela saúde das comunidades autónomas, que têm competências para tomar decisões nesta área, esperando-se que do encontro saia algum tipo de novas indicações para enfrentar a pandemia a partir de sábado.

Atualmente, o estado de emergência com limitações à deslocação de pessoas está em vigor até sexta-feira em nove concelhos da região de Madrid, entre eles o da capital do país.

Um pouco por todo o país têm vindo também a ser tomadas medidas de luta contra a pandemia que muitas vezes são diferentes de uma para outra comunidade autónoma, visto que a política de Saúde está descentralizada em Espanha.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos no mundo desde dezembro do ano passado, incluindo 2.229 em Portugal.

Na Europa, o maior número de vítimas mortais regista-se no Reino Unido (43.967 mortos, mais de 762 mil casos), seguindo-se Itália (36.832 mortos, mais de 449 mil casos) Espanha (34.366 mortos, mais de um milhão de casos), e França (33.885 mortos, mais de 930 mil casos).

Mais Notícias