Curdos declaram região federal no norte da Síria

Os grupos curdos controlam cerca de 10% do território sírio, onde criaram três "regiões autónomas"

Os curdos da Síria anunciaram hoje a criação de uma região federal nas zonas que controlam no norte do país, noticiou a agência France Presse citando responsáveis curdos.

"O sistema federal foi aprovado para a região Rojava [Curdistão sírio] - Norte da Síria", anunciou Sihanouk Dibo, um responsável do principal grupo político curdo sírio, o Partido da União Democrática (PYD), depois de uma reunião de dois dias no nordeste do território sírio.

A decisão foi confirmada à agência por outro participante nas conversações, Aldar Xelil, da comissão preparatória do projeto federal.

Durante o dia de hoje vão ser formados conselhos que vão definir os limites da região e a natureza do sistema, segundo as mesmas fontes.

Os grupos curdos controlam cerca de 10% do território sírio, onde criaram três "regiões autónomas" - Afrin e Kobane, na província de Alepo, e Jazire, na província de Hasakeh -, as quais vão agora integrar o sistema federal, avançando no sentido de uma maior autodeterminação.

Os curdos asseguram que o projeto federal tem uma base "territorial" e não "étnica", incluindo representantes da população árabe e de outras minorias presentes nessa zona.

O regime de Bashar al-Assad e a oposição declararam várias vezes a sua oposição a um sistema federal no país.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG