Cinco militares morrem em avalanche nos Alpes

A avalanche levou onze militares, de entre 50 que faziam um exercício fora das pistas marcadas

Pelo menos cinco militares franceses morreram esta segunda-feira numa avalanche nos Alpes, na região de Savoie. Fonte da polícia, citada pelo jornal francês Le Monde, contou que um grupo de cerca de 50 militares realizava exercícios de treino nesta zona montanhosa quando cinco deles foram arrastados por uma avalanche, ao princípio da tarde.

Outros seis esquiadores foram arrastados pela mesma avalanche, tendo sido resgatados a tempo. Dois deles estavam em estado de hipotermia, um dos quais em estado muito grave. Três helicópteros estiveram envolvidos nas buscas.

Os militares faziam parte de um regimento de Saint-Christol, da região de Provence-Alpes-Côte d'Azur, no sul de França, e realizavam exercícios numa zona montanhosa a 2200 metros de altitude.

Segundo a agência noticiosa Agence France Presse, o ministro da Defesa francês Jean-Yves Le Drian vai deslocar-se ao local na manhã de terça-feira.

Na quarta-feira passada, dois estudantes franceses de 16 anos e um turista ucraniano de 56 morreram numa avalanche quando esquiavam numa pista encerrada em Deux Alpes.

Notícia em atualização.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG