Antigo embaixador da Bélgica nos EUA entre as vítimas

Autoridades belgas já identificaram 24 das 31 vítimas. Há ainda 62 pessoas em serviços de cuidados intensivos

As autoridades belgas já identificaram 24 das 31 vítimas mortais dos ataques de terça-feira em Bruxelas. Entre estas está o antigo embaixador belga nos Estados Unidos, Andre Adam, avançou o procurador Ine Van Wymersch à Associated Press.

Segundo a mesma fonte, onze dos 20 mortos identificados são estrangeiros.

Há ainda 101 pessoas feridas internadas em hospitais na Bélgica ou em França, das quais 62 estão em serviços de cuidados intensivos, referiu um porta-voz do Ministério da Saúde belga.

Entre as 101 vítimas hospitalizadas, 32 sofreram queimaduras graves e estão internadas em unidades especializadas, indicou a mesma fonte.

As três explosões registadas na terça-feira em Bruxelas - duas no aeroporto internacional de Zaventem e uma na estação de metro de Maelbeek, junto às instituições europeias, no centro da capital belga - fizeram pelo menos 31 mortos e cerca de 340 feridos, segundo o último balanço provisório.

Os ataques foram reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI).

Mais Notícias

Outras Notícias GMG