Vitória épica dos Patriot vista por 111,3 milhões de telespectadores

Número diminuiu ligeiramente face aos últimos dois anos. Super Bowl é um dos eventos mais vistos na televisão

A vitória épica dos New England Patriots que conquistaram a 51.ª edição do Super Bowl, final da Liga americana de futebol americano (NFL), disputada no domingo em Houston, foi vista por 111,3 milhões de telespectadores.

A cadeia televisiva FOX, que detinha os direitos de transmissão, conquistou uma grande audiência no Super Bowl em que os New England Patriots venceram ao baterem os Atlanta Falcons por 34-28, após o primeiro prolongamento de sempre e depois de estarem a perder por 25 pontos.

No NGR Stadium, os Patriots escreveram história, rumo ao seu quinto título, depois de 2002, 2004, 2005 e 2015, já que, na final da Liga americana de futebol americano, nunca uma equipa ganhara após uma desvantagem superior a 10 pontos.

Apesar de o número de telespectadores ter diminuído ligeiramente face aos últimos dois anos, tal não impediu que o Super Bowl se mantivesse como um dos eventos mais vistos na televisão nos Estados Unidos.

Segundo a empresa especializada Nielsen, a maior audiência do Super Bowl - e a mais elevada para um programa da televisão dos Estados Unidos - foi quando 114,4 milhões de telespectadores assistiram à partida entre os Patriots e os Seahawks de Seattle num jogo da 49.ª edição, que foi disputada a 1 de fevereiro de 2015.

As audiências da final de domingo tiveram um início relativamente modesto, segundo a Nielsen, mas foram crescendo até ao empate e durante o período extra a partida chegou a conquistar 117,7 milhões de telespectadores. A audiência total de 111,3 milhões resulta da média de pessoas que assistiram ao jogo durante um minuto normal, tendo em conta os altos e baixos, explicou a Nielsen.

A audiência durante o espetáculo do intervalo protagonizado por Lady Gaga foi de 117,5 milhões de espectadores, número que superou o do ano passado, quando atuou a banda inglesa Coldplay, segundo a Nielsen.

Os anúncios de televisão deste ano durante o Super Bowl custaram entre 5 e 5,5 milhões de dólares, enquanto as empresas gastaram 400 milhões de dólares em publicidade.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG