"Mad Men" despede-se como Melhor Argumento

O Sindicato dos Argumentistas Norte-americano premiou a série - que terminou em 2015 - pela quarta vez

Foi a despedida perfeita para Mad Man - a sétima e última temporada foi transmitida em 2015 - a série que girava em torno da agência de publicidade de Don Draper, interpretado pelo ator Joe Hamm, e da vida dos seus funcionários, durante a década de 1960.

A entrega dos WGA Awards - prémios que o Sindicato dos Argumentistas Norte-americano atribui todos os anos e que contemplam apenas os argumentos de séries e minisséries - aconteceu este sábado e destacou os profissionais que se evidenciaram em 2015.

É a quarta vez que Mad Men recebe o galardão de Melhor Argumento de Série Dramática, tendo já conquistado o prémio de Melhor Nova Série em edições anteriores. A concorrer com Mad Men estavam os argumentos de The Americans e Better Call Saul, entre outras.

Mr. Robot, que também disputava o prémio de Melhor Série Dramática, saiu vencedora na categoria de Melhor Nova Série.

O primeiro episódio de Mad Men foi para o ar a 19 de julho de 2007, nos EUA. Recebeu várias críticas positivas por parte da crítica e conquistou vários prémios, entre eles 15 Emmys e quatro Globos de Ouro.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG