A primeira página do DN desta sexta-feira

Leia os títulos da edição que encontra de manhã nas bancas.

Circulacão limitada para 4 milhões de portugueses.

Conselho de Ministros mantém restrição de entradas e saídas da Área Metropolitana de Lisboa das 15h00 desta sexta-feira às 06h00 de segunda. E recomenda que as pessoas não andem na rua após as 23h00. É uma espécie de recolher obrigatório para 45 concelhos, que afeta um quarto da população.

É esta a manchete do DN desta sexta-feira.

Outro assunto de grande destaque são os médicos de família e de saúde pública, que avisam Governo: "É impossível fazer tudo o que pedem".

E ainda a entrevista DN -TSF ao candidato da Iniciativa Liberal à CML, Bruno Horta Soares: "A câmara é um monstro
que está a bloquear a cidade".

Outros títulos:

- Siza Vieira sobre moratórias. "Nos setores que pararam, temos de dar tempo para as empresas se adaptarem"

- Bernardo Trindade. "Detesto democratas de sofá. Levam-se muito a sério, julgando e decretando certezas"

- Contas do Estado Seis entre 17 grandes empresas públicas subiram dívida, quase todas devido à pandemia

Mais Notícias

Outras Notícias GMG