Primeiro-ministro grego acusado de menosprezar medidas de confinamento

Mitsotakis participou este fim de semana num almoço ao ar livre, na ilha grega de Ikaria, oferecido por um deputado local.

O líder da oposição da Grécia, Alexis Tsipras, acusou o primeiro-ministro, Kyriakos Mitsotakis, de mostrar desprezo pelas regras de bloqueio, por ter participado num grande almoço ao ar livre.

Mitsotakis participou este fim de semana num almoço ao ar livre, na ilha grega de Ikaria, oferecido por um deputado local.

Um vídeo do repasto, divulgado nas redes sociais, mostra pelo menos 25 pessoas presentes, enquanto a música tradicional da ilha, com tambores e gaitas de foles, pode ser ouvida ao fundo.

Esta segunda-feira, Alexis Tsipras apresentou uma queixa no Parlamento, acusando o primeiro-ministro de exibir uma "arrogância inacreditável", quando restaurantes e muitas empresas na Grécia permanecem fechadas.

O Governo endureceu as medidas de confinamento, nos últimos dias, antecipando o horário de recolher obrigatório para as 18:00, em Atenas e na segunda maior cidade do país, Tessalónica, em resposta a um surto de infeções com covid-19 que começou no final de janeiro.

A porta-voz do governo Aristotelia Peloni disse que Mitsotakis vai continuar a visitar partes remotas do país para promover a campanha de vacinação contra a pandemia, acusando Tsipras de estar a desviar a atenção das pessoas do propósito da sua iniciativa.

Em dezembro, Mitsotakis foi fotografado ao lado da sua bicicleta de montanha e sem máscara, em companhia de cinco pilotos de motocrosse, numa trilha na encosta de Atenas, obrigando o primeiro-ministro a pedir desculpa pelo gesto.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.316.812 mortos no mundo, resultantes de mais de 106 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG