Narcotraficante português detido no Reino Unido foi extraditado para Portugal

A PJ deslocou-se ao Reino Unido para o cidadão português lhe ser entregue pelas autoridades britânicas, tendo na quinta-feira a PJ procedido ao transporte do suspeito para território nacional.

Um cidadão português, alvo de mandado de detenção europeu (MDE) para cumprimento de pena de prisão maior por tráfico de droga, foi detido no Reino Unido e extraditado para Portugal, divulgou esta sexta-feira a Polícia Judiciária (PJ).

Segundo a PJ, a extradição surgiu na sequência da condenação do agora detido, de 42 anos, pela prática do crime de tráfico de estupefacientes, por factos cometidos em 2005 e 2006, na região da Grande Lisboa.

A PJ deslocou-se ao Reino Unido para o cidadão português lhe ser entregue pelas autoridades britânicas, tendo na quinta-feira a PJ procedido ao transporte do suspeito para território nacional.

O detido foi, entretanto, entregue aos Serviços Prisionais, para cumprimento da pena de sete anos e seis meses de prisão a que fora condenado pelos tribunais portugueses.

A concretização do processo de extradição, em resultado do MDE, contou com a intervenção da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE) e da Unidade de Cooperação Internacional (UCI) da PJ.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG