Desmoronamento em gruta de São Paulo deixa nove bombeiros soterrados

Balanço inicial apontava para 15 bombeiros soterrados na gruta Itambé, na região de Ribeirão Preto, e depois falava-se de apenas sete.

Nove bombeiros brasileiros estão presos numa gruta no estado de São Paulo, depois de o teto ter desmoronado quando efetuavam um treino.

O acidente ocorreu quando um grupo de 26 bombeiros participava num exercício de treino na caverna Itambé, próximo da cidade de Altinopolis. "14 não sofreram acidente, 3 vítimas já foram retiradas com fraturas e hipotermia, 9 ainda estão desaparecidas", indicaram os bombeiros de São Paulo.

Um balanço inicial falava que havia 15 pessoas soterradas. E depois apenas sete.

"O telhado da gruta colapsou", deixando parte do grupo soterrado, tinham dito os bombeiros.

No local estão seis viaturas e 20 bombeiros que procuram resgatar os que ficaram presos. Bombeiros de outros municípios, incluindo da cidade de São Paulo, estão também a caminho.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG