Rei dos aspiradores critica ministra que quer expulsar estudantes

Para o empresário e inventor Sir James Dyson, a proposta de Theresa May levará o Reino Unido ao declínio.

As declarações da ministra do Interior britânica, Theresa May, defendendo a necessidade de forçar os estudantes estrangeiros, naturais de países fora da União Europeia, a deixarem o país, após completarem a formação académica, originou violentas críticas de um dos mais conhecidos empresários e inventores britânicos, Sir James Dyson. Este é conhecido por empregar muitos técnicos estrangeiros e realizar importantes investimentos no sudeste asiático, além da própria Grã-Bretanha.

Para Sir Dyson, conhecido pela marca de aspiradores que tem o seu nome, a concretizarem-se as intenções da ministra conservadora, isso representaria "uma importante mais valia para as nações em competição connosco" nos planos tecnológico e económico. E comprometeria a criação de empregos no Reino Unido.

Leia mais no epaper ou na edição impressa do DN

Mais Notícias

Outras Notícias GMG