Mais de 60 mortos em ataques no Iraque

Uma série de explosões em bairros xiitas de Bagdad e na cidade de Nasíria causaram a morte de, pelo menos, 68 pessoas e dezenas de feridos, informaram fontes iraquianas citados pelas agência.

O principal ataque sucedeu nos arredores de Nasíria, quando foi atacado um grupo de peregrinos que se dirigiam para um santuário xiita na cidade. Morreram 45 pessoas em resultado da explosão do ataque realizado por um suicida.

Em Bagdad, as explosões começaram logo de manhã quando uma bomba foi lançada, a partir de um motociclo em andamento, para uma paragem de autocarros onde estavam concentrados vários trabalhadores com destino ao bairro xiita de Sadr City, arredores de Bagdad, matando oito pessoas.

Esta explosão foi seguida de outra também nas imediações, a qual resultou em mais uma vítima.

Menos de duas horas depois ocorreram duas novas explosões no bairro xiita de Khazimiya, no norte da capital, matando outras quatro pessoas.

Responsáveis médicos nos hospitais das imediações confirmaram a existência de mais dez vítimas mortais, que tinham dado entrada ainda com vida.

Oficiais iraquianos tinham alertado para o ressurgimento das ações dos rebeldes sunitas e xiitas, prevendo o aumento da violência após a retirada das tropas americanas, concluída no mês passado.

Mais Notícias

Outras Notícias GMG